Preste atenção ao seu interlocutor

Preste atenção ao seu interlocutor

Na maioria das vezes, quando pedimos uma opinião a alguém do nosso relacionamento, seja ele marido ou mulher, pai ou mãe, filhos(as), irmãos(ãs), sócios, amigos(as), temos que ter atenção pois, consciente ou inconscientemente, o nosso interlocutor não “senta na nossa cadeira” e opina, quase sempre, no caminho que seja melhor para ele e não para você que pediu a opinião dele ou está escutando algum palpite não solicitado em alguma decisão relevante da sua vida pessoal. Leia mais...

Graduado e Pós-Graduado pela Fundação Getúlio Vargas em São Paulo, é especialista em Marketing, Estratégia, Modelagem e Estruturação de Negócios, no Brasil e em Portugal, através da B4-Business Solution. Foi professor de Estratégia e Marketing da Universidade de Pernambuco. Luso-brasileiro, vive em Portugal desde 1996. De lá para cá, percorreu cada canto do país, conhecendo e vivenciando tudo aquilo que Portugal oferece de melhor. É apaixonado por este país de uma dimensão cultural muito maior que o seu tamanho geográfico e populacional. É co-fundador e gestor do PortugalSim.