Os doze trabalhos de Michel Temer – série de uma introdução e 12 artigos

Os doze trabalhos de Hércules são uma série de episódios arcáicos, ligados entre si por uma narrativa contínua, relativa a uma penitência que teria sido cumprida por um dos maiores heróis gregos, Herácles, mais conhecido em português pela romanização, como Hércules.Os antigos gregos atribuíam o estabelecimento de um ciclo fixo de doze trabalhos a um poema épico, a Heracleia, já perdido, escrito por Peisandro de Rodes, e que dataria de 600 A.C. (a)

No meu imaginário de criança, foram trabalhos de grande dificuldade e envargadura, onde não faltaram coragem, determinação e resiliência por parte de Hércules.

Caem nas mãos de Michel Temer doze novos trabalhos que deverão ser realizados no seu curto mandato de Presidente do Brasil. Antes dos doze trabalhos, será necessário um ajuste econômico para evitar a quebra do País, angariar o apoio internacional dos empresários e da população.  A partir de então, vamos trabalhar para a construção, nos próximos 40 anos, do País que queremos para os nossos netos e bisnetos. Um Brasil desenvolvido, aberto para o mundo, livre do Estado e das doutrinas totalitárias, econômica e institucionalmente forte; e socialmente justo.

São estes os doze trabalhos de Michel Temer:

  1. Reposicionamento estratégico do país
  2. Reforma política e administrativa do legislativo
  3. Reforma tributária e da previdência
  4. Reforma administrativa do Estado e reestruturação das empresas públicas, estados e municipios e fundos de pensão
  5. Infraestrutura Logistica
  6. Educação e pesquisa
  7. Diplomacia
  8. Redefinição das leis trabalhistas, sindicatos e ONGS
  9. Lei Criminal
  10. Saúde
  11. Meio ambiente – saneamento, água e energia
  12. A moral e o pensamento das pessoas

Aos poucos vou ter a ousadia de escrever as minhas sugestões. Serão ideias genéricas para que pensem a respeito pois têm de caber em uma ou duas folhas de papel. E serão encaminhadas a quem, julgo, possa de alguma forma aprofundá-las e inserí-las como ações de governo.  E por que?

Tive o privilégio de ter uma boa educação em casa, na escola e na universidade; a vida me aproximou de pessoas que me ajudaram a compreender o meu entorno e fui estimulado por elas para escrever estas sugestões; tenho já uma larga experiência de vida; atentamente acompanho o que vem ocorrendo com o país desde os meus 16 anos de idade; vivenciei todas as crises e tentativas de ajustá-las, como empresário e consultor de empresas. Vivo há 20 anos no exterior, sem nunca perder a conexão com o meu país – iclusive levando empresas portuguesas para investirem no Brasil –  e formando uma visão alternativa. E, last but not least, desde o 1º governo Lula, previ este destino, mesmo sendo duramente criticado por muitos dos meu pares. Justo porque se descuidaram dos “trabalhos” acima propostos, ou tomaram caminhos impróprios para concretizá-los.

Escrevo também, e para finalizar, porque estes doze trabalhos agora de Temer citados acima e que desenvolverei cada um individualmente nos próximos dias, em tese, nunca foram consistentemente aplicados no Brasil. Chegou a hora.

O Brasil tem pressa. É hora de seguir estes caminhos com a coragem, a determinação e a resiliência que não faltaram em Hércules.

RL

Cascais, 25 de abril de 2016

IMG_20160423_173031698_HDR

(a) Fonte: Wikipédia

Graduado e Pós-Graduado pela Fundação Getúlio Vargas em São Paulo, é especialista em Marketing, Estratégia, Modelagem e Estruturação de Negócios, no Brasil e em Portugal, através da B4-Business Solution. Foi professor de Estratégia e Marketing da Universidade de Pernambuco. Luso-brasileiro, vive em Portugal desde 1996. De lá para cá, percorreu cada canto do país, conhecendo e vivenciando tudo aquilo que Portugal oferece de melhor. É apaixonado por este país de uma dimensão cultural muito maior que o seu tamanho geográfico e populacional. É co-fundador e gestor do PortugalSim.

One thought on “Os doze trabalhos de Michel Temer – série de uma introdução e 12 artigos

Deixar uma resposta