Quando o caráter se desnuda

“É lugar comum ouvirmos que percebe-se o caráter de uma pessoa, quando ela tem poder.

Vou um pouco mais além: o caráter se desnuda quando os fins se superpõem aos meios, e aos valores intrínsecos, filosóficos e morais que lhes dão o devido suporte. Quando mesmo sabendo que  estão a prejudicar terceiros, resvalam com ações dúbias que os favorecem em detrimento do outro. Tiram vantagens, apesar de prejudicarem os outros  ou de não cumprirem o combinado. Pode ser medido – até de maneira mais simples – quando ao dividir a última fatia do bolo, quem cortou fica com o pedaço maior.

BINGO!!!”

RL

 

Graduado e Pós-Graduado pela Fundação Getúlio Vargas em São Paulo, é especialista em Marketing, Estratégia, Modelagem e Estruturação de Negócios, no Brasil e em Portugal, através da B4-Business Solution. Foi professor de Estratégia e Marketing da Universidade de Pernambuco. Luso-brasileiro, vive em Portugal desde 1996. De lá para cá, percorreu cada canto do país, conhecendo e vivenciando tudo aquilo que Portugal oferece de melhor. É apaixonado por este país de uma dimensão cultural muito maior que o seu tamanho geográfico e populacional. É co-fundador e gestor do PortugalSim.

2 thoughts on “Quando o caráter se desnuda

Deixar uma resposta