SOBRE O MOMENTO DE SE VIVER E FOCAR

SOBRE O MOMENTO DE SE VIVER E FOCAR

Devemos viver, no aqui e agora – espaço, tempo, local e circunstâncias – se queremos viver bem.

O passado é perdão, gratidão, aprendizado e construção. Obra feita daquilo que somos hoje, física, mental e espiritualmente. Nunca do que poderíamos ter sido. Sem esquecer o que conseguimos amealhar e que não levaremos nas próximas vidas que virão. Tudo junto e misturado. Soma de acertos e erros, de surpresas infindáveis e, no desconforto com elas, jamais imaginadas.

O futuro é o sonho. Compromisso com o nosso propósito de vida. O Norte da nossa vida, da bússola que nos serve de guia, e que nos lembra o caminho depois de algum desvio fortuito.

Por isso, a vida é este fascínio que é.

O passado deve ser olhado de relance, nunca por muito tempo, para que não nos apeguemos a ele.

O futuro, ah!! o futuro….  Como um guia de luz e com sentido de missão. Também de relance, para que não o transformemos em fonte de exagerada ansiedade.

A vida acontece, e se faz no aqui e agora. Não se descuide. Mesmo no meio dessa incómoda pandemia. A dita está incluída nas tais circunstâncias que já mencione acima. Junto com o espaço, o tempo – e já lá vão 8 meses de “confinamento” – e local. Eu tive a sorte de estar por cá, em Setúbal. E na foto, com uma filha querida que me veio visitar.

RL

Setúbal, 13nov2020

Foto: Golfinhos do estuário do Rio Sado, Setúbal

 

 

Graduado e Pós-Graduado pela Fundação Getúlio Vargas em São Paulo, é especialista em Marketing, Estratégia, Modelagem e Estruturação de Negócios, no Brasil e em Portugal, através da B4-Business Solution. Foi professor de Estratégia e Marketing da Universidade de Pernambuco. Luso-brasileiro, vive em Portugal desde 1996. De lá para cá, percorreu cada canto do país, conhecendo e vivenciando tudo aquilo que Portugal oferece de melhor. É apaixonado por este país de uma dimensão cultural muito maior que o seu tamanho geográfico e populacional. É co-fundador e gestor do PortugalSim.

Deixar uma resposta